top of page

Três Etapas Para Construir Uma Marca Pessoal Forte e Trabalhar o Seu Personal Branding



Imagine-se dentro de um supermercado de um país que você não conhece, você está visitando, tudo é novo ao seu redor e você precisa comprar itens básicos para o seu café da manhã: uma água, um café, um pão, algumas frutas... Como vai escolher sem conhecer? Sem poder experimentar?

 

Se reconhecer algumas marcas, eu garanto que provavelmente vai optar pelas que já conhece por medo de errar. Se não reconhecer nenhuma, provavelmente vai escolher pela embalagem, entre os principais fatores estão: a que for mais bonita, mais atrativa, trouxer mais conexão com você e suas preferências.




 

O trabalho de Branding Pessoal e Posicionamento funciona exatamente da mesma maneira, ele possibilita não somente que as pessoas que não conhecem o seu produto ou serviço tenham contato com ele, como também possibilita a manutenção de uma relação com aqueles que já o conhecem, reforçando sua identidade, de quem se é.

 


Não trabalhar sua Imagem Pessoal seria a mesma coisa que ter uma loja com produtos incríveis dentro, porém sem vitrine.

 

Esta é mais uma das vantagens de trabalhar o seu branding e posicionamento, porque este é um trabalho que reduz seu esforço de vendas, além disso também reduz os ruídos da sua comunicação pois poupa palavras e sua comunicação principal está nos símbolos, que possuem compreensão mais rápida, eficaz e que ainda carrega propriedades culturais relevantes.

 

Quando trazemos estes conceitos fica fácil compreender a importância de trabalhar o seu Branding e Imagem Pessoal para um melhor posicionamento diante do seu público e de seus clientes. Para o universo da Imagem Pessoal, vale lembrar que Imagem não é somente a embalagem, ou neste caso as roupas, mas também comportamento e linguagem, portanto este é um trabalho que demanda um olhar estratégico e tempo, tempo de maturação, tempo de experimentação até que se conquiste uma construção, que muitas vezes não para, afinal de contas, estamos sempre em constante transformação e vivendo novos momentos, novas fases.



 

Além do fator de transformação interna há que se considerar o dinamismo do ambiente em que vivemos atualmente, em um mundo altamente competitivo, com muita informação e transformação, sai na frente hoje quem se destaca na multidão e consegue deixar uma impressão duradoura, forte e sustentável, afinal de contas com os excessos em que vivemos hoje, não basta apenas ser visto, mas ser frequentemente lembrado e da maneira correta!

 

Sua marca pessoal é sua promessa ao mundo, de mudança, de impacto e transformação. Como você deseja comunicar isso a todos? Aprender a construí-la estrategicamente pode abrir portas e oportunidades, por este motivo quero te apontar aqui alguns conceitos importantes que devem ser levados em consideração na hora desta construção para que você possa dominar sua presença profissional. Vale ressaltar que aqui não está todo o processo. Durante o processo de construção de Imagem Pessoal e Posicionamento o cliente passa por 6 etapas, mas compartilho 3 importantes para que você já possa dar início ou revisar o seu:

 

1.     Compreensão de Marca Pessoal:

Primeiramente é importante compreender quem é você na prateleira do mercado e onde você quer estar? Aqui é hora de definir sua identidade, seus valores, suas melhores habilidades e você pode fazer isso em três etapas:


  • Definindo sua identidade profissional - Aqui o que vale é compreender quem você é como profissional, quais são seus valores, crenças e habilidades únicas. Explorando como esses elementos fundamentais moldam sua marca pessoal e influenciam suas escolhas e ações.

  • Identificando seus valores, paixões e habilidades únicas - Esta etapa é importante para que você possa refletir sobre o que te impulsiona? O que o diferencia dos outros e quais são suas competências distintivas? Essa autoanálise é essencial para construir uma marca pessoal autêntica e impactante.


  • Como sua marca pessoal se diferencia da concorrência - Na última etapa da Compreensão de Marca Pessoal, aqui é importante entender o cenário competitivo em que você está inserido. Analisa-se como identificar e comunicar os elementos que tornam sua marca única e valiosa para seu público-alvo, destacando-se da concorrência de forma significativa.


2. Construindo uma Imagem Pessoal Impactante

A segunda etapa deste processo é pensar na construção do fator que mais impacta aos olhos quando estamos observando uma pessoa ou uma marca e já apontado aqui nos parágrafos anteriores, sua embalagem ou sua imagem. Buscando sempre um efeito impactante e assertivo de primeira impressão e a escolha dos melhores elementos visuais que farão esta apresentação.


  • A importância da primeira impressão - Compreender a força da sua primeira impressão e como ela pode influenciar significativamente a forma como os outros percebem você e tomam suas decisões é fator decisivo. Seja em um primeiro contato pessoal ou online, as pessoas estão buscando uma maior compreensão sobre você, sua marca e o que você tem a oferecer: quem você é, se é possível confiar? Se é possível respeitá-lo? Por este motivo trabalhe sempre com o intuito de causar uma primeira impressão positiva, afinal de contas, esta pode ser sua única chance.


  • Vestuário e estilo: expressando sua identidade profissional - Dentro dos símbolos e das ferramentas de comunicação, uma das mais eficazes e que os seres humanos vêm utilizando a centenas de anos é a comunicação através do seu vestuário, que faz distinção de classe social, de status e etc. Fazer as melhores escolhas quando falamos de roupas e acessórios de maneira a refletir sua identidade profissional e que estejam alinhadas a sua marca pessoal é a chave de um bom trabalho de Imagem Pessoal e Posicionamento.


  • Comunicação não verbal: postura, linguagem corporal e gestão de energia - Além do trabalho de vestuário e estilo, é importante lembrar que o conceito de Imagem Pessoal engloba 3 pilares: Imagem, Comportamento e Comunicação. Dentro da parte de comportamento e comunicação, pensar na postura adequada, a linguagem corporal, o tom de voz, a gesticulação, as palavras escolhidas e o gerenciamento de energia podem afetar a percepção que os outros têm de você, sendo esta positiva ou negativa.

 

3.     Definindo seu Posicionamento

Após concluir com êxito a primeira e a segunda etapa, chegou a hora de definir de que maneira você irá se posicionar e comunicar isso ao seu público, escolhendo de maneira intencional sua abordagem, para isso precisará compreender quem é o seu público, quais são seus valores e fazendo uma oferta irresistível para eles, de que a sua solução é a melhor de todas:


  • Compreendendo seu público-alvo e suas necessidades - Você já parou para pensar quais são as necessidades do seu público? Seus desejos e preocupações? Ter clareza destes detalhes e saber comunicá-los de maneira efetiva é um fator de diferencial para o seu posicionamento.


  • Identificando seu nicho e área de especialização - Uma das estratégias quando falamos de imagem pessoal e posicionamento é focar em um nicho específico e se tornar uma referência dentro dele. Qual é a sua principal especialidade? Qual é o diferencial do seu produto? Já pensou em ficar cada vez melhor, buscando novas soluções e especializações para oferecer a este público?


  • Desenvolvendo uma proposta de valor única - A partir do momento que você consegue identificar trabalhar e crescer dentro do seu nicho e compreender a linguagem do seu público, chegou o momento de fazer a sua proposta única de valor, chegou a hora de mostrar ao seu público e clientes porque a sua solução é única e a melhor.

 

Dominar sua marca pessoal e posicionamento como profissional é um investimento que gera muitos retornos:

Para você, traz mais autoconhecimento, compreensão, clareza de um caminho. Para o outro, traz segurança e confiança de saber que o cliente está contratando um profissional qualificado, seguro de si, de seus talentos e capacidades.

Mas é preciso ressaltar que este é um trabalho pensando em sua carreira ao longo prazo pois o Personal Branding é um processo, uma caminhada e como todo processo natural, sua maturação demanda tempo, paciência, muitos testes. Lembre-se de que independente do caminho que escolher seguir, sua marca pessoal é uma jornada contínua de autoconhecimento, transformação e crescimento.


Com as estratégias e dicas apresentadas neste artigo, tenho certeza que você já está pronto(a) para dar os primeiros passos, para se destacar e prosperar no mundo profissional.


Te desejo boa sorte e se precisar, conte comigo!




 

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

댓글


bottom of page